Talento e brasilidade

A- A A+

Cantora, compositora e instrumentista pernambucana radicada em São Paulo, Maria Dapaz reúne bela voz e talento na criação de música e letra, em um repertório totalmente brasileiro. Considerando-se ‘cantora de MPB nordestina’, Maria faz shows pelo Brasil e exterior cantando suas músicas e resgatando clássicos do Nordeste, ressaltando a riqueza da música regional.

http://www.anovademocracia.com.br/122/16a.jpg

Nasci em Jaboatão dos Guararapes e me criei em Afogados da Ingazeira, no sertão de Pernambuco, local cheio de manifestações culturais, poetas, cantadores, repentistas, cantadores, violeiros. Observava tudo isso que acontecia em meu redor, tanto que comecei a tocar com 9 anos de idade — conta Maria.

A música falava muito forte em mim e não tinha como ser diferente. Via gente tocando violão e copiava, também fazia aulas com um professor que tinha lá, e ia misturando tudo, aprendendo a tocar um pouquinho do instrumento. Com o tempo naturalmente fui me desenvolvendo melhor — continua.

Comecei oficialmente com música cantando em programas de calouros. Participei do programa ‘A mais bela voz do nordeste’ e em uma das eliminatórias tirei o segundo lugar. Depois me juntei com outros adolescentes da época e formamos um conjunto de baile — fala.

Entre outros, Maria Dapaz participou do Marajoara, um conjunto de baile que se apresentava por todo o Nordeste.

 — A banda fazia bastante sucesso por onde passava, tocávamos forró e muitos outros ritmos. Esse período de bailes foi um aprendizado muito grande para mim, uma escola onde aprendi tudo para poder seguir adiante. Viajávamos por muitas cidades tocando com um pessoal que era profissional — lembra.

Em 1978 me mudei para São Paulo e no ano seguinte tive a sorte de conhecer o Lincol Vieira, irmão do Luiz Vieira, que me levou para uma gravadora. Assim, em 1981 lancei meu primeiro disco, Pássaro Carente. Foi então que me profissionalizei mesmo, apesar de que sempre vivi de música — ressalta. 

Aos 15 anos de idade conseguia minha sobrevivência e até um pouco mais através do trabalho nos conjuntos de baile, principalmente no Marajoara, que foi o último que toquei. Passei a ganhar pouco e foi quando mudei para São Paulo, porque tive que começar tudo outra vez — brinca.

Maria Dapaz morou por seis anos no exterior. Nesse período se voltou mais para sua origem nordestina.

Quando comecei a compor não tinha muita direção, ia para todos os lados, não conseguia controlar isso. Depois que gravei meu primeiro disco, com canções mais voltadas para o romântico, no estilo MPB, comecei a me encontrar — fala.

Assine já!

Receba quinzenalmente a edição impressa
do Jornal A Nova Democracia no seu endereço
e fortaleça a imprensa popular e democrática.

Endereços


Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20.921-060
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja
Rafael Gomes Penelas

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait