Argentina: Jornalismo a serviço do agronegócio

A- A A+

http://anovademocracia.com.br/186/19.jpg

Enquanto no Brasil a Globo com sua campanha “Agro é Tech, Agro é Pop, Agro é tudo” investe para nos convencer das benesses do modelo semicolonial adotado pelo país, de consagrar suas terras para produzir commodities, na Argentina os monopólios dos meios de comunicação, por sua vez, se empenham no tema local de um jeito muito mais agressivo.

No país vizinho a campanha permanente conta com c. Esses profissionais alimentam um monopólio  poderosíssimentenas de jornalistas que ganham para defender um modelo agropecuário para exportação baseado em transgênicos e agroquímicoso composta por suplementos em jornais, programas de rádio, tv e sítios na internet, com um conteúdo pretensamente científico e jornalístico.

Além disso, empresas do setor desenvolvem suas próprias peças “jornalísticas”- publicitárias. Parecida com a da Rede Globo foi lançada a campanha  El campo hace bien (O campo faz bem) com filmetes visando melhorar sua imagem nas cidades.

Em um ato escandaloso que simboliza a perda de soberania para uma transnacional imperialista e contaminante, dias atrás, a TV Pública Argentina passou a ceder seus horários das tardes de domingo para um novo programa: Locos por el campo (Loucos pelo campo) produzido pela Monsanto, líder mundial na produção de agrotóxicos e comercialização de sementes transgênicas.

Mas, toda essa ofensiva do agronegócio – latifúndio de roupagem nova – e seu entorno tem um motivo: a difusão das inúmeras denúncias e estudos sobre os males do herbicida glifosato, transgênicos e demais mazelas do modelo de produção agrário que criaram uma opinião pública contrária.

Endereços


Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20.921-060
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait