Dirigente popular assassinada no México

A- A A+

Meztli Sarabia Reyna, militante revolucionária e dirigente popular mexicana, foi assassinada por quatro pistoleiros na manhã de 29 de junho, no escritório da União Popular de Vendedores Ambulantes (UPVA) “28 de Outubro”, no mercado Hidalgo, em Puebla. Ela foi alvejada por dois tiros, um no abdômen e outro na nuca.

Cortejo popular por Meztli (Eduardo Sánchez Montero)Cortejo popular por Meztli (Eduardo Sánchez Montero)

Junto ao corpo de Meztli, os assassinos deixaram uma mensagem escrita: “Isso acontecerá com todos os apoiadores de Simitrio. Siga você Simitrio e aos que apoiem Simitrio. Fora a 28”.

Poucos minutos depois de seu assassinato foi desatada uma campanha de desinformação contra a militante e sua organização, apresentando-a como traficante e achacadora, advertindo sobre a iminência de uma onda de violência e aconselhando as pessoas a não visitarem os mercados onde trabalha a UPVA.

Meztli, que já havia sido atacada duas vezes em 2017, tinha 42 anos e dois filhos. Ela ocupava um cargo secretarial na UPVA e era filha de Ruben Sarabia Reina (Simitrio), dirigente histórico da “28 de Outubro”.

40 anos de lutas populares 

O nome “28 de Outubro” é uma referência histórica à brutal repressão da noite de 28 de outubro de 1973. Nesta ocasião, a polícia expulsou os vendedores das ruas ao redor do Mercado da Vitória, no Centro Histórico de Puebla. Barracas foram destruídas e queimadas e as pessoas que trabalhavam nelas, assassinadas. Nunca se soube o número exato de mortos.

As pessoas carregaram os cadáveres com medo de que até os corpos lhes fossem tomados. Os vendedores ambulantes trabalhavam naquela localidade há anos. Na época, Puebla passava por uma cruzada anticomunista.

A “28 de Outubro” sobreviveu à quatro décadas de acosso e repressão. Agrupa hoje uns 5 mil sócios, em sua maioria vendedores e taxistas com uma capacidade surpreendente de mobilização. É a organização popular independente mais antiga do estado mexicano de Puebla.

Assine já!

Receba quinzenalmente a edição impressa
do Jornal A Nova Democracia no seu endereço
e fortaleça a imprensa popular e democrática.

Endereços


Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20.921-060
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja
Rafael Gomes Penelas

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait