RO: Ocupação exige direito a produzir gado

A- A A+

As famílias da Área Revolucionária Paulo Bento ocuparam a sede da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), em Mirante da Serra, no dia 26 de fevereiro.

Banco de dados AND
Área revolucionária Paulo Bento, Mirante da Serra, RO
Área revolucionária Paulo Bento, Mirante da Serra, RO

A ocupação realizada pelos camponeses, organizados pela Liga dos Camponeses Pobres (LCP) de Rondônia e Amazônia Ocidental, foi motivada pela recusa do órgão estadual em expedir a Guia de Transporte Animal (GTA).

A ação organizada das massas camponesas forçou o presidente da Idaron a se comprometer com a expedição da abertura de fichas para as famílias da Área Revolucionária Paulo Bento que criam ou desejam criar gado em seus lotes de terra.

A Idaron é conhecida por dificultar a regularização da produção de gado para os pequenos proprietários de terra, mas de facilitar o registro de latifundiários. No dia 7 de agosto do ano passado, os camponeses da Área Revolucionária Monte Verde, também organizados pela LCP de Rondônia e Amazônia Ocidental, ocuparam a Idaron do município de Monte Negro e conseguiram ter acesso a GTA.

A Área Revolucionária

A Área Revolucionária Paulo Bento, antigo Acampamento Fidel Castro 2, homenageia o camponês Paulo Sérgio Bento Oliveira, de 36 anos, assassinado covardemente por homens do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Militar, em Mirante da Serra, no dia 16 de maio do ano passado. Conforme denunciado na edição 189 de AND, Paulo Oliveira foi perseguido por policiais, sendo detido dentro do Acampamento Fidel Castro 2, espancado pelos policiais militares e em seguida executado.

Dois dias depois do assassinato de Paulo Oliveira, seus companheiros organizaram a tomada da fazenda Bonanza. Desde então, os camponeses vêm resistindo às intimidações de latifundiários da região e da PM. Em julho e agosto do ano passado foi realizado o Corte Popular, com a distribuição dos lotes de terras entre as famílias, que passaram a viver, trabalhar e produzir no seu pedaço de terra conquistado por meio da luta organizada.

As famílias camponesas da Área Revolucionária Paulo Bento já produzem milho, amendoim, mandioca, feijão, melancia, cana-de-açúcar, abóbora, pepino, quiabo, inhame, hortaliças, ovos, criam galinhas e porcos, e já veem crescer centenas de árvores frutíferas.

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20.921-060
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait