GO: Em apoio à luta pela terra, Abrapo realiza curso de formação em Goiânia

A- A A+

A Associação Brasileira dos Advogados do Povo (Abrapo) está promovendo a 3ª edição do minicurso “Advocacia Popular e Luta por Direitos”. Segundo sua carta-programa, “diante da necessidade da Abrapo em promover cursos de formação para estudantes de Direito, é que segue o cronograma com propostas de temas a serem debatidos e estudados profundamente pelos alunos, a fim de que conheçam a realidade do que é o Estado, o Poder Judiciário, e o próprio Direito, desmistificando assim uma série de teorias idealistas ou pseudoteorias fortemente propagadas nas faculdades de Direito, as quais formam profissionais que não compreendem a luta de classes e, ao enxergar o Direito como ‘ciência neutra’, acabam por, consciente ou inconscientemente, contribuir com a perpetuação de opressões”.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

O 1º módulo, que teve como tema “O que é o Direito?”, foi dividido em três partes constituintes: no dia 5 de abril, o primeiro encontro debateu a criminalização do movimento popular; no dia 19 de abril  foi discutida a luta pela terra e moradia e o terceiro encontro, ocorrido no dia 3 de maio, analisou as contrarreformas trabalhista e previdenciária.

O curso tem contado com uma presença de aproximadamente 20 estudantes por encontro que demonstram, por meio de suas intervenções, o entendimento da necessidade da existência de advogados e advogadas que atuem em defesa das massas oprimidas de nosso país, seja na cidade ou no campo.

O 2º módulo irá ocorrer no dia 17 de maio e terá como tema “O Papel de Classe do Estado”. Este encontro terá como objetivo analisar o processo histórico da formação do Estado brasileiro e debater sobre suas ações na retirada dos direitos do povo, com o intuito de desmitificar a ideia de neutralidade dos poderes Executivo e Judiciário na resolução de conflitos na luta de classes no país, tese comumente difundida nas faculdades de Direito. Já o 3º e último módulo, a ser realizado no dia 7 de junho, apresentará “O Papel do Advogado do Povo” e mostrará a carreira de advogado do povo na luta de classes no país, convidando os interessados a se integrarem à Abrapo.

A Abrapo é uma organização popular que presta inúmeros serviços, do ponto de vista jurídico, às massas em luta de nosso país. Não é por acaso que alguns advogados sofrem severas perseguições políticas ao defenderem estudantes e trabalhadores, mesmo em lutas justas, como é o caso do Dr. Marino D’Icarahy, noticiado a partir da edição 155 de AND. Os advogados e ativistas da Abrapo, entretanto, seguem conscientes de que seu papel é fundamental na defesa dos direitos do povo, seja em manifestações, greves e ocupações ou no cotidiano abuso das autoridades do Estado burguês-latifundiário, com corte de pontos, processos administrativos e exonerações como forma de perseguição a trabalhadores em luta.

A Abrapo convida a todos e todas estudantes e ativistas interessados a participar do seu curso de formação gratuito e também para integrarem-se na advocacia popular. Todos os módulos são ministrados às 16 horas na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Goiás (UFG).

tag:

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait