Amistoso entre Argentina e Israel é cancelado após intensa mobilização

Amistoso entre Argentina e Israel é cancelado após intensa mobilização

Print Friendly, PDF & Email

Após intensos apelos e protestos, um amistoso entre Argentina e Israel que ocorreria dentro das instalações do Estado colonialista de Israel como parte das celebrações pelo seu 70º aniversário foi cancelado. O jogo ocorreria dia 9 de junho, na Jerusalém Oriental, no estádio “BeitarTrump”.

Ativistas em defesa do povo palestino denunciavam que o amistoso fazia parte de uma provocação sionista à Palestina. O jogo seria realizado na cidade reconhecida recentemente pelo imperialismo ianque como capital do enclave sionista, motivo pelo qual, há meses, milhares de palestinos protestam nas fronteiras.

Uma intensa mobilização e protestos fizeram os argentinos cancelarem o amistoso. O embaixador palestino na Argentina chegou a declarar que “esta partida é como se comemorássemos o aniversário da ocupação das Malvinas; seria uma aberração”.

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: