BA: Massas de Feira de Santana se rebelam pelo direito ao transporte

BA: Massas de Feira de Santana se rebelam pelo direito ao transporte

Print Friendly, PDF & Email

Dezenas de pessoas de diferentes bairros da Zona Rural de Feira de Santana ocuparam por dois dias a frente da garagem da empresa de transporte rodoviário Rosa em protesto contra a precarização do transporte na região, dia 07 de maio.

De forma combativa e organizada, seguindo as recomendações do uso de mascaras, respeitando o distanciamento e disponibilizando álcool em gel aos participantes, a manifestação impediu a saída dos ônibus da empresa rodoviária Rosa, até então, responsável pelo transporte na região.

Tomaram parte da manifestação moradores de diversas comunidades, dentre elas Matinha (área quilombola) e Maria Quitéria que, com firmeza e decisão interromperam por dois dias a entrada e saída dos ônibus.

A principal denuncia feita pelos trabalhadores foi a substituição dos ônibus em circulação por vans, situação que piorou ainda mais as condições do já precário transporte da região. Além de favorecer a superlotação do transporte público em plena pandemia de Covid-19, uma vez que as vans contam com capacidade de transporte bem inferior a dos ônibus.

Os trabalhadores apontam ainda que a criminosa alteração no transporte ocorreu sem nenhum tipo de aviso ou consulta por parte dos órgãos responsáveis pela gestão dos transportes públicos ou pela própria empresa.

Na noite do 07/05 integrantes do Comitê de Apoio do Jornal A Nova Democracia de Feira de Santana visitaram a ocupação e realizaram uma brigada de propaganda junto aos trabalhadores na luta por direitos.

Massas leem o jornal A Nova Democracia na ocupação em frente a garagem bloqueada durante protesto. Foto: Comitê de Apoio do Jornal a Nova Democracia de Feira de Santana

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: