“Com amor, Vinicius” temporada online

“Com amor, Vinicius” temporada online

Print Friendly, PDF & Email

Está em cartaz até sábado, 03/04, a temporada online, e gratuita, do musical Com amor, Vinicius, sobre a obra do poeta, dramaturgo, jornalista, diplomata, cantor e compositor Vinicius de Moraes (1913 – 1980), através do canal Diálogo da Arte Produções Culturais no YouTube. No elenco, Marcos França (atuação), Luiza Borges (voz), Matias Zibecchi (percussão e bateria) e  André Siqueira (violão). “A peça ‘Com Amor, Vinicius ou Como sobreviver nesta selva oscura e desvairada’ é uma encenação teatral de um ‘pocket show’, gênero carioca por excelência e que teve em Vinicius de Moraes um de seus mais destacados artistas. Na verdade, Vinicius praticamente criou esse gênero, ao lado do diretor Aloysio de Oliveira e de seus parceiros de palco, gente como Tom Jobim e João Gilberto, Nara Leão e Carlos Lyra, Dorival Caymmi, entre outros A partir de 1969, Vinicius criou o formato ‘definitivo’ de seu pocket show: ‘O poeta, a moça e o violão’, no qual, ao lado de Toquinho, dividia o palco com uma cantora, papel ocupado, entre outras, por Bethânia, Maria Creuza, Marilia Medalha, Clara Nunes, Joyce, Miúcha. O tipo de espetáculo era marcado, fundamentalmente, pelo despojamento: sentado em uma mesa, invariavelmente com um copo de uísque como se estivesse na sala de casa, Vinicius cantava suas composições (novas e antigas), dizia seus poemas e contava histórias de sua vida e da observação do dia-a-dia. Seja em prosa ou verso, Vinicius o fazia com a simplicidade de uma conversa, como se ele abrisse sua própria intimidade, o que o transformou numa espécie de amigo, de irmão mais velho, de confidente, de conselheiro. É bom reforçar que ‘Com amor, Vinicius’ não é propriamente um show musical como os que Vinicius fazia. Não é nem propriamente sobre Vinicius. Na verdade, trata-se de uma peça teatral sobre a obra de Vinicius, sobre suas considerações sobre o Brasil, sobre a sua maneira de se apresentar em público e sobre esse gênero de shows que ele consagrou”, divulgam os organizadores.

O endereço é: https://www.youtube.com/watch?v=slAGAiPuPw8

Foto: Divulgação do evento

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: