Índia: EGPL aniquila cinco agentes da força de repressão

Índia: EGPL aniquila cinco agentes da força de repressão

Print Friendly, PDF & Email

Dois agentes da unidade especial Batalhão de Ação de Comando Resolvido (CoBRA) foram mortos em uma emboscada realizada pelo Exército Guerrilheiro Popular de Libertação (EGPL), dirigido pelo Partido Comunista da Índia (Maoista). A ação aconteceu em uma área de floresta próximo a Vila de Palodi, no distrito de Sukma, estado de Chhattisgarh, no dia 19 de fevereiro.

No dia 10 de fevereiro, também em Bijapur, outros três agentes da CoBRA também morreram após um ataque do EGPL, dessa vez no distrito de Irapalli. Além da morte dos três agentes, outros cinco soldados ficaram feridos, dentre eles um oficial.

Guerrilheiros do EGPL. Foto: Banco de Dados AND

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: