Comitê de apoio ao AND apresenta Operário em Construção

https://anovademocracia.com.br/99/02.jpg
https://anovademocracia.com.br/99/02.jpg

Comitê de apoio ao AND apresenta Operário em Construção

Print Friendly, PDF & Email
http://jornalzo.com.br/and/wp-content/uploads/https://anovademocracia.com.br/99/02.jpg
Adaptação de um poema de Vinícius de Moraes ganhou ares de musical

Uma importante iniciativa do comitê de apoio ao AND em Belo Horizonte assentou mais um tijolo em nossa luta por uma cultura de Nova Democracia: a apresentação da peça Operário em Construção.

Centenas de pessoas já assistiram a adaptação do poema de Vinícius de Moraes feita pelo grupo cultural do comitê de apoio, apresentada em atividades do movimento sindical classista, em reuniões do movimento popular e na universidade.

O grupo cultural do comitê de apoio foi estruturado, inicialmente, para promoção dos sábados culturais em que são exibidos filmes e organizados debates com leitores e apoiadores do jornal. Com o desenvolvimento do grupo, surgiu a proposta de se organizar uma peça teatral.

Durante semanas a peça foi ensaiada pelo grupo, que convidou operários da construção para o elenco. A primeira apresentação do teatro foi na aula inaugural da Escola Popular Orocílio Martins Gonçalves e, a partir de então, a trupe da imprensa democrática e popular passou a percorrer as atividades do movimento popular e receber convites para apresentações. Até mesmo uma “brigada cultural” foi realizada em uma universidade, apresentando a peça e divulgando o jornal para mais de cem pessoas.

Membros da redação de AND tiveram a oportunidade de assistir a peça em um sábado cultural realizado no dia 6 de outubro.

O poema de Vinícius de Moraes foi adaptado e dramatizado, ganhando contornos de um musical com canções de Geraldo Vandré, Chico Buarque, José Geraldo e outros cantores populares. O corpo teatral é composto por membros do comitê de apoio ao AND e operários da construção, que com desenvoltura e afinação narram a história de um operário que, na labuta diária, aprendeu a dizer não e lutar contra a exploração e opressão.

A Nova Democracia saúda essa importante iniciativa, que certamente animará e servirá de exemplo para companheiros em todo o país.

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: