Lutas de Libertação Nacional

Curdistão: ativistas curdas são assassinadas em Paris

Com informações de correovermello-noticias

http://anovademocracia.com.br/102/16b.jpg
Manifestantes homenageiam ativistas assassinadas na França

Os crimes foram perpetrados na sede do Centro de Informação do Curdistão, situado em Gard du Nord.

As vítimas são Sakine Cansiz, membro fundadora do Partido dos Trabalhadores do Curdistão – PKK; Fidan Dogan, representante do Congresso Nacional do Curdistão – KNK, com sede em Bruxelas; e a jovem ativista Leyla Soylemez.

A denúncia dá conta de que as ativistas curdas foram assassinadas, possivelmente, por serviços secretos do regime turco. As "autoridades" francesas têm qualificado esse crime como "execução". Associações curdas na Europa têm feito chamamentos para que os democratas e revolucionários se manifestem contra esse vil crime.

Abaixo, nota da organização curda Yeni Kadin (Nova Mulher): 

Na luta por um mundo melhor

Condenamos o massacre bárbaro em Paris

Sakine CANSIZ, Fidan DOGAN e Leyla SÖYLEMEZ vão continuar a viver em nossa luta!

Em Paris, a cidade que costumava ser famosa por suas lutas de libertação, três mulheres lutadoras, três corações livres foram brutalmente assassinados no Instituto de Informação Curdo que está localizado em uma das ruas mais movimentadas da cidade e que está sob constante vigilância da polícia.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin