RJ: Prefeitura remove moradores do Horto

A- A A+
http://www.anovademocracia.com.br/108/09.jpg
Moradores do Horto tentam resistir a remoção de uma família

No dia 4 de abril, policiais da tropa de choque da polícia militar foram ao Horto — bairro nobre da zona Sul do Rio — para cumprir um mandado de reintegração de posse contra uma das 625 famílias pobres que vivem há mais de um século na região e estão ameaçadas de remoção. O mandado foi emitido pela 23ª Vara Federal e deveria ser cumprido no dia anterior. No entanto, a forte resistência popular com barricadas e centenas de apoiadores obrigou o adiamento da ação. Segundo a União, as famílias estariam dentro dos limites do Jardim Botânico e, por isso, deveriam ser removidas sem direito a qualquer tipo de reparação.

O senhor Delton dos Santos, 71 anos, era o proprietário do imóvel e vivia no local com vários de seus parentes, entre os quais três crianças, de 3 a 8 anos de idade. O filho de Seu Delton, Max Luiz dos Santos, 45 anos, disse à reportagem de AND que a remoção de sua família é um crime.

É uma injustiça o que está acontecendo. Essa casa tem 150 anos e nós somos a quinta geração da mesma família a viver aqui. Meu avô foi um dos cinco primeiros moradores desse lugar. O Jardim Botânico deu a casa para o meu avô. Ninguém disse que, um dia, a União poderia exigir o local de volta. Nós temos crianças aqui e o meu pai já está com 71 anos. Ele já tem duas pontes de safena e isso tudo é um atentado à vida dele. Minha mãe tem 68 anos. Cadê o estatuto da criança e do adolescente? Cadê o estatuto do idoso? Eles que fazem a lei, então ela só funciona quando eles querem. Nós não recebemos nada, nenhuma notificação. Ficamos sabendo uma semana antes que seríamos jogados na rua, sem direito a nada. Se você joga um animal na rua, isso é considerado mau-trato, agora, se você joga um ser humano na rua, não é crime. Que lei é essa? — pergunta.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja