Lutas de Libertação Nacional

Palestina

Crimes de Israel contra prisioneiros políticos doentes

Com informações do Comitê Brasileiro de Solidariedade aos Presos Políticos Palestinos em Israel

http://www.anovademocracia.com.br/110/15a.jpg

Segundo informou o Ministério para Assuntos dos Prisioneiros e Ex-prisioneiros da Palestina, as autoridades carcerárias israelenses decidiram que os custos do serviço prisional da ocupação israelense, como tratamentos de saúde, cirurgias ou procedimentos específicos, ficarão a cargo dos prisioneiros palestinos.

Um relatório oficial emitido pelo ministério rechaça a determinação: "Trata-se de um abandono severo de responsabilidade do Governo de Israel pela vida e saúde dos prisioneiros detidos em suas prisões, que contraria as determinações da Convenção de Genebra e do Pacto Internacional sobre os Direitos Civis e Políticos.”.

O ministério ainda salientou que esta política fascista dos sionistas é uma política de chantagem, sem moral, com o objetivo de prejudicar a saúde e vida dos prisioneiros. Tal procedimento e abandono de obrigações médicas, somado à impossibilidade dos prisioneiros e seus familiares arcarem com os custos de seus tratamentos só deve agravar ainda mais o estado de saúde de cada encarcerado.

O relatório do ministério citou nomes de prisioneiros que necessitam urgentemente do tratamento pago:

- Hussein Ali Youssef Khalil, 24 anos, morador da aldeia Al-Khaderv, distrito de Belém, foi condenado a sete anos de prisão. De acordo com advogado do Ministério dos Prisioneiros, Rami El- Alami, a administração e os médicos de Prison Alramon, onde Hussein se encontra exigiram 7,000 shekels (1800 dólares), a fim de comprar um aparelho para seu problema auditivo. Após realizar uma série de exames, ele decidiu comprar e utilizar o aparelho de audição por conta própria.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro