Estado de sítio no Maracanã

http://www.anovademocracia.com.br/112/06c.jpg

No dia 16 de junho, populares denunciaram à redação de AND uma brutal ação da PM contra manifestantes diante do Maracanã durante o primeiro jogo da Copa das Confederações no Rio de Janeiro (Itália e México).

Além das bombas de gás lançadas, spray de pimenta e agressões, há denúncias de que a PM tomou celulares e câmeras das pessoas que registravam a repressão. Também há denúncias de que as câmeras do Metrô e das ruas foram desligadas para não registrar a ação policial.

Os manifestantes se retiraram para a Quinta da Boa Vista, tradicional local de lazer dos cariocas no bairro São Cristóvão, e houve novo cerco policial. Famílias com crianças que estavam no parque no momento também foram alvo da repressão.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

A rádio Band News teve seu sinal cortado a mando da Fifa e não pôde transmitir os acontecimentos no momento. Um repórter da CBN que cobria o protesto disse que a polícia iniciou o confronto agredindo os manifestantes. A fala desse repórter circulou amplamente na internet.

Seis manifestantes foram levados para a 18ª DP, na Praça da Bandeira. Assim que receberam notícias, alguns advogados se apresentaram voluntariamente para ajudar os presos.


NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro