Para paulistas, Lampião foi herói

A- A A+

Cartaz distribuído pelo governo baiano nos estados da Bahia Alagoas e Sergipe, em 1930

Para mais de 1.200 pessoas que passaram nas duas últimas semanas de julho pela estação Brás da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e se manifestaram através de cédulas de votação, o rei do cangaço Virgolino Ferreira, o Lampião, era um herói e o seu comportamento pessoal muito se aproximava da forma de agir do personagem de ficção literária inglesa Hobin Hood, aquele que dividia entre os pobres o que havia expropriado aos ricos. Essa foi a primeira vez que São Paulo "julgou" o companheiro de Maria Bonita.

Antes do anúncio do resultado, vários artistas, como Socorro Lira, Costa Senna, Cacá Lopes, Sebastião Marinho e Andorinha, se apresentaram no palco da estação. Na mesma ocasião foi inaugurada uma exposição fotográfica do acervo Dana sobre a vida do famoso cangaceiro pernambucano, cuja morte completou 65 anos no dia 28 de julho.

Dois atores, o paraibano Alexandre Azevedo e a paulistana Júlia Moura, caracterizados de Lampião e Maria Bonita, interpretaram o personagem enquanto distribuíam pedaços de rapadura e carne seca aos usuários da estação. Esses alimentos eram típicos do cotidiano dos cangaceiros. Também foi lançado na ocasião o projeto O Autor na Estação, que visa estimular a leitura.

Julgamento formal

A exposição sobre Lampião permanecerá na estação do Brás até o dia 18 de agosto, quando será deslocada para o Centro Acadêmico XI de Agosto da Faculdade de Direito do Largo São Francisco. No dia 19 de agosto, a partir das 11 horas, Lampião será julgado com as formalidades de praxe por um juiz, com base no que decidir um corpo de jurados formado especialmente para esse evento. Amaury Correa, principal biógrafo de Lampião, estará presente. A neta, Vera Ferreira também.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja