Paralisação de professores na Unimontes

http://www.anovademocracia.com.br/120/09c.jpg
Professores e estudantes em manifestação.

Professores da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), através do seu sindicato, Adunimontes, realizaram, no último dia 22 de outubro, a "Jornada Unimontes em movimento", paralisando as atividades da instituição para debater sobre os rumos da maior universidade estadual de Minas Gerais.
Servidores técnico-administrativos do campus e do hospital universitário se somaram às denúncias de precarização das relações de trabalho e falta de democracia. Vários trabalhadores relataram casos de assédio moral e perseguição política por parte da reitoria.

Estudantes também participaram das mobilizações reivindicando melhorias na infra-estrutura da universidade, mais investimentos para a educação pública e assistência estudantil.

Um ato público que percorreu os corredores de todos os centros de ensino até a reitoria envolvendo mais de cem pessoas deu início ao dia de intensas atividades. Durante toda a tarde se debateu sobre a necessidade de envolver toda a comunidade acadêmica num movimento pela democratização da universidade.

A principal reivindicação do movimento é a realização de uma estatuinte com a participação de toda a comunidade acadêmica e que altere a estrutura administrativa da Unimontes, garantindo democracia e autonomia universitárias.

Uma nova paralisação foi marcada para o dia 31 de outubro e os professores prometem seguir mobilizados até que os principais pontos da pauta de reivindicação sejam atendidos.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin