Notas internacionais

Grã-Bretanha: repressão contra protesto anti-Otan

Informações de secoursrouge.org
http://www.anovademocracia.com.br/138/17a.jpg
Comunistas britânicos participaram do ato anti-Otan

No último 4 de setembro, quatro manifestantes foram detidos pela polícia em Cardiff, no País de Gales, durante uma manifestação de cerca de 500 pessoas contra a reunião da cúpula da Otan realizada em Newport. Um jovem de 21 anos foi preso acusado de “pôr em perigo a ordem pública” e de “porte de arma”. Uma mulher de 24 anos foi acusada de “obstruir a ação de um oficial de polícia” e outro homem de 49 anos pelo mesmo motivo e mais “resistência à prisão”. O quarto, de 54 anos, foi preso por “desordem”.


Estado espanhol: o programa do radicalismo pequeno-burguês

M. Alonso - Correo Vermello

Paralelo ao descrédito do regime monárquico-burguês, temos visto a aparição de grupos como o PODEMOS¹. É um exemplo paradigmático do programa da pequena burguesia. Com todo tipo de reformas ético-cosméticas, flertando com o horizonte “democrático” das urnas, com o poder para a “gente” dando ao capitalismo de rosto humano.

O oportunismo desses personagenzinhos e de outros semelhantes se baseia no velho discurso reformista da II Internacional socialdemocrata, só que agora já não cheira a traição dos interesses das classes trabalhadoras, senão que a parasita! Pois, se em princípios do século XX podia restar alguma dúvida sobre uma possível “mudança de reformas pacíficas ao socialismo”, hoje, no século XXI, é mais que evidente que é uma grande farsa para defender os interesses do capital.

Um simples exemplo do inescrupuloso e falso discurso da radicalidade desses personagenzinhos: todos são ataduras democrático-cosméticas que não questionam em nada o poder hegemônico da burguesia.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin