Ato de Desagravo ao Dr. Marino

A- A A+
http://www.anovademocracia.com.br/155/07b.jpg
Atividade na Escola Superior de Advocacia da OAB-MG

No dia 29 de julho, o Dr. Marino D’Icarahy, advogado dos jovens ativistas presos e perseguidos políticos do Rio de Janeiro e membro da seção carioca da Associação Brasileira dos Advogados do Povo (Abrapo), esteve em Belo Horizonte (MG), onde participou de uma oficina do Encontro Nacional de Estudantes de Direito (ENED), na UFMG, pela manhã, e do Ato Pela Liberdade de Manifestação e Contra a Perseguição Política, na Escola Superior de Advocacia da OAB-MG.

À noite, durante o ato promovido pela Abrapo, organizações sindicais e populares realizaram um Ato de Desagravo ao Dr. Marino e em repúdio às perseguições e processos abertos contra ele devido a sua combativa atuação em defesa dos presos e perseguidos políticos.

Na oficina do ENED, o Dr. Marino debateu a situação política e o papel dos advogados na defesa do direito do povo lutar por seus direitos. Cerca de 30 estudantes participaram do painel, que contou também com a participação do Dr. Felipe Nicolau, presidente da Abrapo.

O Comitê de Apoio ao Jornal AND de Belo Horizonte realizou a divulgação do jornal durante a atividade e fez a cobertura do painel. Após a sua participação no encontro, o Dr. Marino nos relatou estar muito satisfeito com o debate e com o interesse dos jovens estudantes de Direito para as questões políticas, sobretudo sobre o tema dos protestos populares que convulsionaram o país a partir das jornadas de lutas de junho de 2013.

São esses jovens, que ainda não estão absorvidos e sufocados por esse sistema e estão com suas mentes abertas para o debate político e para os problemas de nosso povo, que têm condições de avançar e engrossar nossas fileiras como advogados do povo e em defesa dos direitos do nosso povo — afirmou.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

Na Escola Superior de Advocacia da OAB, advogados, professores, dirigentes sindicais, camponeses e ativistas de diversos movimentos populares se reuniram para o Ato pela Liberdade de Manifestação e Contra a Perseguição Política e para o Ato de Desagravo ao Dr. Marino D’Icarahy.

Na conclusão, após as falas de solidariedade dos representantes das organizações presentes, o Dr. Marino reforçou suas convicções e disse estar preparado para seguir defendendo os presos e perseguidos políticos e disse “se sentir absolvido” com as manifestações de apoio e solidariedade das organizações combativas e democráticas.

A Associação Brasileira dos Advogados do Povo leu um texto de apoio ao Dr. Marino D’Icarahy que já conta com subscrições de personalidades democráticas, organizações e adesões individuais do Brasil e de outros países denunciando as perseguições contra o advogado. Ainda durante o ato, foi denunciada a perseguição contra os advogados que se empenham na defesa dos camponeses em luta pela terra, como a advogada Dra. Lenir Coelho, que também é alvo de perseguição por denunciar o sequestro de dois camponeses em Rondônia [ver AND nº 138, setembro de 2014, RO: camponeses sequestrados e torturados].

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja