ATIK is not alone! A ATIK não está Sozinha!*

http://www.anovademocracia.com.br/158/20b.jpg

Em todo o mundo, organizações revolucionárias, democráticas e populares desenvolvem uma campanha internacionalista pela libertação dos ativistas da Confederação dos Trabalhadores Turcos na Europa (ATIK) e da organização Nova Mulher (Yeni Kadin), presos em diferentes países da Europa no último dia 15 de abril.

Nessa data, o Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos (Cebraspo), organização que integra a campanha internacional, denunciou que “13 ativistas foram violentamente presos, quase ao mesmo tempo, sendo 7 na Alemanha, 4 na Grécia, 1 na Suíça e 1 na França. Todos eles já haviam sido presos antes pelo Estado reacionário turco e estiveram encarcerados durante muitos anos devido às suas atividades políticas, sofrendo torturas bárbaras que lhes causaram severas sequelas. Alguns deles participaram de greves de fome na prisão para protestar contra as condições terríveis e subumanas a que foram submetidos dentro dos famigerados cárceres turcos.

Os ativistas da ATIK não foram acusados diretamente por nenhuma ação específica dentro dos países que viviam, mas foram atacados por suas atividades políticas e por suas ideias. Eles são acusados de serem membros do Partido Comunista da Turquia/Marxista-Leninista (TKP/ML), que, juntamente com todas as outras organizações revolucionárias na Turquia, foi considerado “ilegal” pelo governo turco.

Portanto, baseada na chamada ‘lei antiterror’, sistematicamente assumida pelos imperialistas e reacionários locais na Europa para combater os dissidentes, esta operação promoveu um verdadeiro terror de Estado, com invasões de residências, intimidações, repressão e ataques aos trabalhadores e à oposição social nacional e internacional”.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

*Consigna da campanha internacional pela libertação dos trabalhadores ativistas turcos presos e perseguidos na Europa.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro