A farsa olímpica em andamento

A- A A+

http://anovademocracia.com.br/170/10c.jpg

Na noite de 5 de agosto de 2016, de acordo com o programado, começa a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos 2016 com a chegada da tocha ao Maracanã.

Uma multidão ficará aguardando a chegada da tocha e quando isso acontecer de suas mãos vibrarão bandeiras brasileiras e o espírito olímpico será visível em cada rosto dos presentes.

O Brasil e o mundo inteiro acompanharão pela TV, sendo testemunhas que tudo isso acontecerá sem protestos nem contestação. Será passada uma imagem de paz, espírito esportivo, conciliação, ou se preferirem submissão e aceitação passiva dos desmandos dos mafiosos que controlam o poder.

Mas isso será pura ilusão montada.

Mesmo para o mais observador dos telespectadores será difícil perceber que o povo que estará recebendo entusiasticamente a chegada da tocha olímpica munida de bandeiras brasileiras estará composto pelas mesmas pessoas que completam os segundos e terceiros planos nas filmagens das novelas, platéias de programas de variedades, propaganda e filmes rodados no país. Acontece que as mesmas empresas que cadastram, representam e oferecem atores e figurantes para as redes de TV, agencias de publicidade e cinema, foram contratadas pelos organizadores do evento para fornecer 1000 figurantes para simular ser público-torcedor. E eles terão dois bons motivos para tornar seu papel o mais crível possível:

1. Como em todo trabalho que realizam, um a um estará cadastrado e perfeitamente identificado, alem de assinar um contrato em que se obrigam a seguir certas regras do contratante

2. O cachê pago para o evento será bem superior ao de mercado. Como referência, um figurante ganha para participar em uma novela menos de R$ 50,00 por 12 horas de trabalho, para participar de um filme rodado no país em torno de R$ 80,00. Para aplaudir a chegada da tocha e outros deveres que serão definidos receberão R$ 100,00.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia
LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja