Notas nacionais

A- A A+

Polícia de Alckmin e Temer reprime manifestações

A Polícia Militar de São Paulo deteve 26 pessoas (18 maiores e 8 menores de idade) na tarde de 4 de setembro no início de uma manifestação contra a gerência federal de Michel Temer/PMDB. Desde o fim do último mês de agosto, a polícia de Geraldo Alckmin/PSDB tem reprimido (com sua tradicional truculência) as manifestações que têm ocorrido nas ruas da capital paulista. Na noite de 31 de agosto, também num protesto contra Temer, a jovem Deborah Fabri, 19 anos, perdeu a visão do olho esquerdo após ser ferida por uma bomba.

http://www.anovademocracia.com.br/177/08a.jpg
Deborah Fabri perdeu a visão do olho esquerdo após ataque covarde da PM

Também em São Paulo, um grupo de policiais militares está sendo investigado pelo atropelamento de um manifestante. Imagens divulgadas pela Record mostram uma viatura acelerando em direção a um rapaz na Rua João Adolfo. Segundo a própria ouvidoria da polícia, o atropelamento foi de propósito, e não um acidente.

Em outras partes do país também houve repressão, como em Belém (PA), no dia 6 de setembro, quando a Polícia Militar e a Ronda Tática Metropolitana (Rotam) agrediram manifestantes e até mesmo advogados, que também foram impedidos de acompanhar manifestantes detidos no ato. Cinicamente, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (Segup) declarou a um veículo do monopólio da imprensa que “todos os direitos foram respeitados”. A repressão aos atos contra Michel Temer tem sido uma constante, demonstrando que a política reacionária do PMDB na gerência federal será um prosseguimento da mesma aplicada pelo PT: a do cassetete contra as manifestações populares!


RO e AP: povo exige asfalto

Diversas ruas da Zona Leste de Porto Velho, capital de Rondônia, foram bloqueadas na manhã de 5 de setembro por moradores dos bairros São Francisco, JK I e II. Eles exigem asfalto nas ruas São José e Tereza Amélia. Na ocasião, as ruas União, Plácido de Castro e Mário Andreazza foram bloqueadas com barricadas de objetos, madeiras, pneus e, em alguns locais, foram incendiadas. Em uma das barricadas foi colocado um cartaz escrito Cadê você Mauro? Só promessas! em referência ao gerente municipal Mauro Razif Nasul/PSB.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja