AM: Boicote à farsa eleitoral bate recorde no 2º turno

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

Quase 50% do eleitorado amazonense boicotou o segundo turno da farsa eleitoral complementar para “governador”, realizada no dia 27/08. O segundo turno foi disputado entre Amazonino Mendes e Eduardo Braga.

No total, 70.441 votaram em branco, 342.280 anularam e 603. 914 não compareceram às urnas, um total superior a 1 milhão.

O boicote venceu disparado o candidato eleito Amazonino e superou os números do primeiro turno. Na capital Manaus, cerca de 45% do povo não votou nos candidatos e demonstrou um retumbante rechaço à farsa eleitoral da grande burguesia e do latifúndio.

O monopólio da imprensa e as “autoridades”, bem como o eleito Amazonino Mendes, estão demonstrando preocupação com o novo recorde que o boicote atingiu no estado.

“Essas pessoas [que não votaram, anularam ou votaram em branco] são o grito de alerta para um país que perdeu o rumo”, afirmou Amazonino em tom de lamúria, já que foi derrotado pelo boicote.

O fato é que o povo cada vez mais rechaça este jogo de cartas marcadas que são as eleições na semicolônia Brasil. Eleições essas que “elegem” quais os membros da velha política que vão gerenciar o velho Estado nos níveis municipais, estadual e federal. Isto é, quais inimigos do povo que, com seus discursos demagógicos, vão impor o chicote contra as massas.

Enquanto gastam fortunas, os serviços públicos falem, os escândalos de corrupção aumentam e as condições de vida do povo se degradam de forma exponencial. A população não se deixa enganar e rechaça esta farsa eleitoral que tenta dar uma aparência democrática ao velho Estado semicolonial e semifeudal brasileiro.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro