Cresce campanha pelo Presidente Gonzalo e seu pensamento

A- A A+
 

Novos pronunciamentos repercutiram a campanha em defesa da vida e saúde do Presidente Gonzalo e o pensamento gonzalo em setembro deste ano. Os partidos mobilizaram-se por ocasião do 25º aniversário do inabalável “discurso da jaula” proclamado pelo Presidente Gonzalo uma semana após sua detenção, em setembro de 1992.

Cresce campanha pelo Presidente Gonzalo e seu pensamento

O PCP emitiu comunicado repudiando a mobilização do monopólio de imprensa internacional, que lançou o seu bombardeio de lixo contra a chefatura do PCP.

Destacando o Presidente Gonzalo como garantia do triunfo e reafirmando que sua chefatura é válida porque assenta-se sobre o pensamento gonzalo, o PCP afirma: “Por mais que lancem todo a lama e sua podridão reacionária, não poderão melar sua imagem de grande chefe comunista e seu todopoderoso pensamento gonzalo”.

O PCP ainda ressalta que o EPL segue com as ações armadas “destruindo as forças vivas do inimigo” e cumprindo seu papel de “combater, mobilizar e produzir”. Orientando-se pelo III Pleno do Comitê Central oriundo do I Congresso, “O EPL, dirigido pela nova direção do PCP, demonstra nos fatos que é forja e forma do Presidente Gonzalo, aplicando sagazmente as cinco necessidades e os mil olhos e mil ouvidos do Partido”.

O Partido Comunista do Equador – Sol Vermelho também pronunciou-se.

Referindo-se à captura do Presidente Gonzalo, o PCE-SV remarca que “não podemos cair na emboscada armada pela linha oportunista de direita que conclui, a partir deste fato, que [a captura do Presidente Gonzalo] tratou-se de um golpe fulminante e que marcou a ‘derrota definitiva’ da guerra popular no Peru”.

“Absolutamente ninguém saiu da luta contra o imperialismo e pela conquista do poder para a classe e para o povo sem receber algum golpe, ou sem que tenha estado isento de entregar a necessária cota de sangue e outros sacrifícios.”, sentenciou.

A tradução na íntegra do pronunciamento do PCP pode ser lida em serviraopovo.wordpress.com.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

Peru: EPL aniquila 4 policiais

Combatentes do Exército Popular de Libertação (EPL) emboscaram uma coluna de agentes da Polícia Nacional peruana, em Huancavelica, no dia 07 de setembro.

O saldo da ação dos revolucionários maoistas foi de quatro agentes da repressão aniquilados e dezenas de armas confiscadas.

Esta não é a primeira ação  recente significativa do EPL. Ao todo, desde junho, foram amplamente noticiadas mais de 12 baixas nas fileiras do velho Estado peruano por ações guerrilheiras envolvendo aniquilamento e emboscadas, entre mortos e feridos.

As ações transcorrem em meio ao avanço no processo de Reorganização Geral do Partido Comunista do Peru (PCP). Conforme estabeleceu o Movimento Popular Peru (Comitê de Reorganização), “a Reorganização Geral está às bordas de culminar-se”.

“Estão sendo superados os difíceis problemas e pondo a política sempre no comando graças à briga da esquerda por se impor.”, estabeleceu a  organização em documento de maio deste ano.

Edição impressa

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja