PA: Camponês assassinado em Pau D’Arco

A- A A+

O camponês  Joacir Fran Alves da Mota, de 38 anos, foi assassinado a tiros na noite de 4 de março, em Pau D’Arco, sudeste do Pará. Ele integrava o Acampamento Jane Júlia situado nas terras retomadas da fazenda Santa Lúcia, onde ocorreu a Chacina de Pau D’Arco, em 24 de maio do ano passado. A morte de Joacir da Mota estaria relacionada a luta dos camponeses pela posse da fazenda Santa Lúcia.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

A morte do camponês é responsabilidade direta do velho Estado e suas instituições, denuncia o advogado da Associação Brasileira dos Advogados do Povo (Abrapo), Hugo Escher, em entrevista ao AND.

− A culpa deste assassinato é mais uma vez do Estado, especialmente, pelo Governo Federal e Incra, que não resolvem nada, não desapropriam as terras do latifúndio, não investigam as terras griladas pelos latifundiários e, para agravar, cortaram bruscamente o orçamento para a reforma agrária, dentre outras responsabilidades negligenciadas. Do Poder Judiciário, que não pune, ou, sequer, investiga os mandantes da Chacina.

O assassinato de Joacir da Mota é a 13ª morte ocorrida na luta pela posse das terras da fazenda Santa Lúcia. Além dos dez camponeses assassinados pelas forças policiais em 24 de maio, ocorreram o assassinato de Rosenildo Pereira de Almeida, de 44 anos, em 7 de julho e a morte de Verônica Pereira Milhomem, de 54 anos, em 5 de fevereiro deste ano. Ela havia perdido sete parentes na Chacina, incluindo os dois únicos filhos que a mantinham financeiramente, já que fazia tratamento de  hemodiálise devido a um problema renal, utilizava uma bolsa de colostomia e era diabética.

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537

Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

EXPEDIENTE

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda 
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond 
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja

A imprensa democrática e popular depende do seu apoio

Leia, divulgue e conheça. Deixe seu nome e e-mail para se manter informado
Please wait