Milhares nas ruas exigem justiça para Marielle e repudiam intervenção militar

A- A A+
 

A ativista e vereadora Marielle Franco foi executada com quatro tiros no bairro do Estácio, zona norte do Rio de Janeiro, às 21 horas do dia 14 de março. Anderson Pedro Gomes, motorista, também foi morto e uma assessora foi ferida por estilhaços.

Mais de 3 mil pessoas bloquearam as vias expressas próximas ao complexo da maré repudiando a intervenção militar e as forças de repressão
Mais de 3 mil pessoas bloquearam as vias expressas próximas ao complexo da maré repudiando a intervenção militar e as forças de repressão

A execução de Marielle gerou ampla comoção social, principalmente por se tratar de uma ativista teve um histórico de denúncias aos crimes do velho Estado contra o povo.

Mais de 3 mil pessoas bloquearam as vias expressas próximas ao complexo da maré repudiando a intervenção militar e as forças de repressão
Mais de 3 mil pessoas bloquearam as vias expressas próximas ao complexo da maré repudiando a intervenção militar e as forças de repressão

Protestos em mais de dez capitais do país ocorreram nos dias seguintes ao assassinato, como no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Natal, Fortaleza, Belém, Manaus, Curitiba e Porto Alegre, além de outros lugares no interior do país. No Complexo da Maré, 18/03, cerca de 5 mil manifestantes concentraram-se na Vila do Pinheiro e seguiram pela Linha Amarela e Avenida Brasil.

http://anovademocracia.com.br/207/13c.jpg
Em todo Brasil, millhões de pessoas não se deixam abater por crime político contra Marielle e exigem justiça

No dia 21, milhares marcharam no centro da cidade. Consignas como Por Marielle eu digo não, não à intervenção! e Não acabou, tem que acabar, eu quero o fim da Polícia Militar! foram amplamente entoadas. Um bloco vermelho estampava a palavra de ordem Abaixo a intervenção militar! Rebelar-se é justo!

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja