Choque arromba casas por vingança na Rocinha

A- A A+
Pin It

Uma operação de vingança foi realizada pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar (PM), na manhã de 28 de janeiro, na comunidade da Rocinha, localizada na Zona Sul do Rio, deixando centenas de moradores sem fornecimento de energia elétrica. Casas foram arrombadas e objetos espalhados por revistas policiais. A ação ocorreu um dia após dois policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Rocinha serem baleados. Durante o ataque contra a comunidade mais um PM foi ferido.

Fernando Frazão,/Agência Brasil
Em operação para vingar policial, agentes tiram energia elétrica da população da Rocinha
Em operação para vingar policial, agentes tiram energia elétrica da população da Rocinha

Moradores denunciam que a prática da PM de retirar energia elétrica dos moradores, atirando nos transformadores, é constante e é uma espécie de vingança contra o povo. “Por que o primeiro tiro tem que ser justo no transformador? Qual é a necessidade?”, protestou um morador.

Em filmagem moradores mostram seus lares com portas arrombadas e pertences destruídos, realizados quando não havia ninguém em casa. “Isso é choro do trabalhador. Vocês arrombam as portas, acham só contracheques e fotos de família, mas não satisfeitos têm que nos esculachar.”, protestou um morador na sua rede social.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

O agente que foi ferido esta manhã é lotado na UPP da comunidade e foi socorrido no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, também na Zona Sul. O disparo o atingiu enquanto estava na região da comunidade conhecida como Laboriaux, Rocinha.

No dia anterior, os policiais feridos foram o soldado Fernandes e o cabo Mariano, sendo que o segundo já teve alta e Fernandes permanece internado no Hospital Central da PM, no Estácio, Zona Norte do Rio.

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja