MG: Camponesas contra a Vale

Na manhã de 14 de março, centenas de mulheres organizadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) bloquearam a passagem de um trem da empresa Vale no município de Sarzedo, em Minas Gerais. A manifestação, além de repudiar o crime cometido pela Vale em Brumadinho em janeiro deste ano, homenageou a vereadora Marielle Franco pela passagem de um ano de seu assassinato político completado neste dia.

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia
 

Cerca de 400 pessoas participaram do ato que tentou impedir o trajeto do trem da Vale que passa diariamente por Sarzedo, cidade vizinha a Brumadinho, transportando minério de ferro extraído do quadrilátero ferrífero de Minas Gerais.

No meio do protesto, a Polícia Militar atacou as manifestantes e houve confronto. Os agentes jogaram gás de pimenta e, de acordo com informações veiculadas na imprensa, pelo menos dez mulheres ficaram feridas.

Durante o mês de março, outros protestos foram realizados contra a Vale ou em decorrência de transtornos causados pelo crime da empresa.

Em 13/03, moradores do bairro Melo Franco, em Brumadinho, incendiaram uma barricada na Rodovia Alberto Flores. No dia seguinte, moradores de São José do Paraopeba, na mesma cidade, incendiaram uma barricada na Rua Joaquim Augusto Rodrigues.

Já no dia 15/03, moradores de Macacos fizeram protesto contra a Vale na Mina Mar Azul, em Nova Lima.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro