Caxemira: Massas se rebelam contra forças da ocupação indiana

A- A A+

Nas últimas semanas, a principal cidade da Caxemira, Srinagar, vivenciou violentas revoltas populares contra a dominação e a brutalidade do velho Estado indiano que ocupa a região asiática localizada entre a Índia o Paquistão, território onde ocorre uma luta por autodeterminação. No dia 12 de outubro, confrontos eclodiram após dois homens identificados como combatentes da Resistência Nacional caxemire serem assassinados em um tiroteio com forças da ocupação.

Moradores de Srinagar, na Caxemira, se revoltam contra as forças da ocupação indianaMoradores de Srinagar, na Caxemira, se revoltam contra as forças da ocupação indiana - Mukhtar Khan/Associated Press

Durante a noite, a polícia e soldados paramilitares haviam lançado uma operação de contrainsurgência. Assim que o tiroteio se findou, os moradores se rebelaram, atirando pedras e objetos contra as forças de repressão e gritando palavras de ordem como Queremos liberdade! e Volte para a Índia!. Em retaliação à fúria popular, os soldados atacaram os manifestantes caxemires com disparos de armas de fogo e gás lacrimogêneo. Os moradores acusam os soldados do velho Estado indiano de terem incendiado uma casa de civis durante a ação de repressão.

Semanas antes, no dia 17 de setembro, centenas de caxemires de Srinagar já tinham confrontado as forças da ocupação no bairro de Batamaloo, depois que elas assassinaram três pessoas indicadas como combatentes da Resistência e uma jovem durante uma emboscada realizada no meio da madrugada.

A Caxemira é uma região de maioria muçulmana cujo território está dividido entre a Índia e o Paquistão. A parcela indiana enfrenta atualmente um recrudescimento da opressão exercida pelo velho Estado indiano desde agosto de 2019, quando este revogou a já relativa “autonomia” que a região possuía. Com o aprofundamento da condição colonial da Caxemira, a Índia tem acirrado a criminalização e repressão aos grupos que compõem o campo da Resistência Nacional, enquanto mergulha a região na censura à imprensa e bloqueia o seu acesso à internet.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Victor Costa

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza