Notas

A- A A+

02-diego.jpg (350×441)


Um distrito diz não à farsa eleitoral

02-1.jpg (300×225) No dia 28 de agosto o jornal Hoje Em Dia, de Minas Gerais, publicou uma reportagem de capa sobre a valente campanha de boicote às eleições desenvolvida pelos moradores de Fonseca, um distrito de Alvinópolis, localizado na região central de Minas.

Os moradores da cidade denunciam a falta de água, a precariedade do saneamento básico, a poeira e os buracos nas ruas.

Em resposta ao descaso do Estado e dos gerenciamentos de turno com a população, os moradores da pequena cidade de três mil habitantes decidiram protestar boicotando as eleições.

A reportagem relata que os muros de várias casas estão pintadas com palavras conclamando o povo a não votar.

"Vivemos uma completa falta de assistência do poder público. Então, agora chegou a nossa vez de dar o troco nos políticos", declarou Maria do Carmo Carioca à reportagem de Hoje Em Dia.

"O distrito não vem sendo beneficiado pelas políticas públicas. E os políticos não têm compromisso com o lugar. Então, também não teremos compromisso com nenhum político nas próximas eleições" acrescentou Taís Ribeiro dos Santos.

A mobilização popular fez com que o gerente municipal de Alvinópolis, João Batista Mateus de Moraes (PTB) gastasse mais da metade da reportagem para tentar justificar o descaso e inoperância da prefeitura e do gerenciamento estadual, o que não convenceu nem um pouco os moradores de Fonseca, que denunciam o não cumprimento de promessas de campanha.

02-2.jpg (260×195) 02-3.jpg (260×195)

02-4.jpg (260×195) 02-5.jpg (260×195)


Números da desindustrialização do Brasil

No segundo trimestre deste ano a participação das importações no consumo doméstico de bens industriais chegou ao seu patamar mais alto desde 2002, refletindo o amplo processo de desindustrialização do Brasil semicolonial, ora agravado pela gerência oportunista do PT.

De abril a junho, o número ficou em 18%, bem acima dos 14,9% do mesmo período do ano passado, o que significa que o volume de bens industriais importados cresceu 46,1% em relação ao segundo trimestre de 2009. A tendência é especialmente forte nos setores de têxteis, de veículos automotores, materiais eletrônicos e aparelhos de comunicação, metalurgia básica e máquinas, aparelhos e materiais elétricos. No Brasil dos juros entre os mais altos do mundo, multiplica-se a especulação e se esvai a produção. São as classes dominantes e seus sabujos gerentes estatais fazendo o país cada vez mais honrar sua condição semicolonial, ao cada vez mais exportar os grãos produzidos pelo latifúndio de novo tipo, os minerais, e aumentando a taxa de produtos acabados que vêm de fora para abastecer o mercado nacional.


Desemprego recorde entre jovens

No dia 12 de agosto a Organização Mundial do Trabalho (OIT) divulgou mais um dado contra o qual os evangelistas do fim da crise terão que brigar: no início de 2010, 80,7 milhões de jovens com idades entre 15 e 24 anos estavam sem trabalho em todo o mundo. É a maior taxa mundial já registrada de desemprego entre pessoas dessa faixa etária. Destes mais de 80 milhões de desempregados precoces, 7,8 milhões perderam seus empregos entre os anos de 2007 e 2009 (período no qual nada menos do que 29 milhões de pessoas ficaram desempregadas), justamente o auge da crise financeira que se abateu especialmente sobre o USA. Eles, entretanto, não recuperam suas vagas no mercado de trabalho após a administração ianque dar dinheiro aos bancos a fim de empurrar a bancarrota com a barriga. Que eles não tenham voltado é sintoma de que a crise é estrutural e profunda. No Brasil, onde os oportunistas ora pedem o voto do povo, mas desfilam empavoados oferecendo seus serviços para os inimigos do povo, 17% dos jovens não acham emprego, índice muito superior à média mundial e acima da média da América Latina.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja