Riso e reflexão do povo

A- A A+

Questionando a realidade através da comédia, em sua constante busca por fazer arte para o povo, a trupe paulista, Fraternal Companhia de Artes e Malas-Artes se prepara para estrear um palco móvel, com espetáculos gratuitos, que deve rodar por vários parques de São Paulo e outras cidades do país.

74/13c.jpg
A Fraternal Companhia de Artes e Malas-Artes no espetáculo Borandá

— Nosso nome é uma homenagem as antigas companhias teatrais medievais, que eram chamadas de fraternais. Surgimos, em 1981, a partir de um trabalho de  popularização do teatro, produzindo espetáculos para operários e funcionários de uma empresa. A coisa foi ficando séria e abraçamos a ideia — conta Ednaldo Freire, fundador e diretor da trupe.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja