WikiLeaks prova compromisso do PT com o USA

A- A A+

A revelação pela organização WikiLeaks de informes secretos emitidos nos últimos anos pelas embaixadas do USA em todo o mundo para Washington vêm se constituindo em provas irrefutáveis, documentadas, do alto grau de subserviência da gerência petista ao imperialismo ianque, não obstante os arroubos demagógicos de Luiz Inácio contra a empáfia dos "gringos".

Um despacho do dia 11 de janeiro de 2010 ressalta que o então ministro brasileiro das Relações Exteriores, Celso Amorim, chegou a quebrar todos os protocolos e correu para se encontrar com o, na época, novo embaixador do USA em Brasília, Thomas Shannon, poucas horas depois de o diplomata desembarcar na semicolônia, vindo diretamente da matriz. Amorim foi dizer pessoalmente ao representante de Obama no Brasil que a gerência petista tinha interesse em iniciar uma fase de "maior compromisso" com os ianques e que esperava uma visita da secretária de Estado Hillary Clinton ao Brasil o mais rápido possível, o que viria a acontecer menos de dois meses depois, no início de março de 2010.

Documento ainda mais revelador do esmero por parte dos petistas em se

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja