Partido único ganha uma nova fração

Conteúdo exclusivo para assinantes do jornal A Nova Democracia

Foi fundada em fevereiro no Rio de Janeiro uma nova legenda eleitoreira: o Partido Novo, projeto que estaria sendo financiado por baixo dos panos pelo bilionário Eike Batista (o oitavo homem mais rico do mundo, segundo a revista Forbes).

O novo partido, mais uma fração do partido único, foi criado eminentemente por altos executivos de transnacionais e grandes empresas nativas, que desde logo se apresentaram como alternativa aos "políticos profissionais" para gerenciar os interesses dos monopólios na semicolônia Brasil, sob os slogans "um partido que nasce sem políticos" e "Se o Brasil fosse uma empresa, você seria o cliente".

Não é novidade para o povo que os partidos eleitoreiros são aglomerações de ricos oligarcas e industriais ou de oportunistas de carreira, com seus expoentes Luiz Inácio e Dilma. A aposta dos artífices desta nova fração do partido único é marcar posição ante outros grupos da elite nacional na busca pela primazia da administração do Estado burocrático brasileiro.

O programa do Partido Novo foi redigido seguindo as linhas mestras da ladainha liberal. Está lá, por exemplo, que os mandatos políticos devem ser ocupados por pessoas com qualificações técnicas e comprometidas a seguir metas, como na iniciativa privada. Diante da completa desmoralização dos sufrágios junto às massas, tenta-se um velho Partido Novo e uma velha empulhação nova para manter as velhas estruturas.



NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Paula Montenegro
Taís Souza
Rodrigo Duarte Baptista
Victor Benjamin

Ilustração
Paula Montenegro