Congresso aprova código anti-florestal do agronegócio

A- A A+
A Câmara dos Deputados aprovou no fim de abril o famigerado novo Código Florestal, verdadeiro código anti-florestal requisitado pelo agronegócio, conjunto de alterações na legislação brasileira que atendem a várias demandas do latifúndio de novo tipo.

Logo após a aprovação na Câmara, a gerência do PT escalou ministros para repercutirem a informação de que Dilma vetaria trechos do novo código “prejudiciais ao meio ambiente”, nomeadamente a “anistia a desmatadores”, latifundiários que desmataram à vontade até hoje e aceleraram seus tratores e motosserras nos últimos anos com a possibilidade do perdão aberta desde que o novo código começou a ser preparado.

Curiosamente a gerência petista vem prorrogando indefinidamente um decreto que impede a aplicação de sanções e multas a desmatadores justamente a fim de que eles possam ser beneficiados pela anistia do novo código, com Dilma assinando com o próprio punho quatro prorrogações de sessenta dias neste sentido nos últimos meses. A última foi publicada no dia 11 de abril deste ano em edição extra do Diário Oficial da União.

Ao explicar mais uma prorrogação das sanções e multas à devastação promovida pelo latifúndio, o relator do código anti-florestal do agronegócio, o deputado peemedebista Paulo Piau, imitou o que os petistas fazem de melhor – e que lhes garantiu a preferência do imperialismo para gerenciar a semicolônia Brasil – que é a prestidigitação de favorecer os mais ricos cacarejando que age em nome dos mais pobres.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Mário Lúcio de Paula
Ana Lúcia Nunes
Matheus Magioli
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira