Índia: greve geral e marcha de milhares contra a miséria

A- A A+

No dia 3 de outubro dezenas de milhares de pessoas iniciaram uma retumbante marcha na Índia, prevista para durar quase um mês, atravessando o norte do país. Elas empunhavam bandeiras e entoavam canções de protesto para reivindicar terra e moradia para os milhões de trabalhadores que padecem com o desemprego ou o subemprego e vivem na mais absoluta miséria, em condições de vida precarizadas na proporção inversa ao tamanho do embuste do "desenvolvimento" daquela nação, dita "emergente".

A marcha de protesto largou com o gigantesco número de 40 mil pessoas da cidade de Gwalior, no estado de Madhya Pradesh, e vai percorrer nada menos do que 350 quilômetros antes de chegar a Nova Deli, desfecho previsto para o dia 28 de outubro. A expectativa é de que o número de participantes da marcha aumente para cem mil.

Dados das Nações Unidas mostram que 17% dos moradores de favelas de todo o mundo, ou 170 milhões de pessoas, estão na Índia. Outros milhões vivem nas calçadas e nas inúmeras estações de trem do país.

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza