Revoltas populares contra abandono em todo o país

Cortes de energia elétrica, alagamentos e falta de água foram apenas alguns dos problemas que moradores de diversas regiões do Brasil precisaram enfrentar logo nos primeiros dias do ano. A recorrência dessas situações de ausência de estrutura e descaso dos mais variados governos resultou em manifestações populares como forma de exigir seus direitos às “autoridades”.

Em Salvador, Bahia, moradores do bairro Lobato atearam fogo em entulhos e outros objetos na avenida Suburbana, bloqueando a passagem de veículos no dia 10 de janeiro. Os manifestantes reclamavam dos constantes alagamentos no bairro, em especial na avenida Dois Irmãos, uma das principais do bairro. “A Conder está fazendo uma rede de esgoto, e aí colocou máquinas aqui na rua e começou a cavar o buraco. Só que eles largaram a obra e foram embora, então os resíduos fecharam a boca do esgoto e a rua está toda inundada.”, explicou um morador.

No Norte Fluminense, em Campos dos Goytacazes, um ônibus foi incendiado durante um protesto de moradores no dia 7. Cerca de 50 manifestantes participaram do ato protestando contra a falta de ônibus e de serviços, como saneamento básico, no local.

O protesto ocorreu por volta das 8h45 na BR-356, na altura da localidade de Três Vendas. Os moradores também montaram uma barricada com objetos e pneus e atearam fogo, bloqueando os dois sentidos da rodovia por cerca de duas horas.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin