Comunidade camponesa no Norte de Minas é ameaçada por mineradora chinesa

A- A A+

A comunidade rural de Lamarão, localizada no município de Padre Carvalho, microrregião de Grão Mogol, no Norte de Minas, está ameaçada de expulsão pelo projeto de mineração da SAM (Sul Americana de Metais), subsidiária da empresa monopolista chinesa do setor Honbridge Holdings Ltda., com sede em Hong Kong.

O monopólio imperialista chinês busca criar na localidade uma barragem de rejeito com capacidade 845 milhões de metros cúbicos. Tal barragem é cerca de 70 vezes maior do que a quantidade armazenada na barragem do Córrego do Feijão, quando de seu rompimento em Brumadinho em janeiro deste ano, assassinando, segundo os dados oficiais, 249 pessoas e 21 ainda desaparecidas.

Há mais dez anos a SAM/Honbridge Holdings Ltda. buscam conseguir, junto ao velho Estado, o licenciamento ambiental para a construção desse criminoso empreendimento semicolonial. Como denunciado em matéria da edição 214 de AND, publicada em agosto de 2018 , Avança o saqueio mineral pelo imperialismo chinês no Norte de Minas. Além de Lamarão, outras 11 comunidades estão sob ameaça de expulsão e destruição somente no município de Grão Mogol. A barragem em questão é parte de um gigantesco complexo de mineração controlado pelo imperialismo chinês, cujo apenas o “bloco 08” representaria a remessa de 27 milhões de toneladas de minério de ferro por ano.

No vídeo abaixo, reproduzimos o revoltante depoimento da senhora Dona Adelina, moradora da comunidade Lamarão.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza