RJ: Trabalhadores paralisam BRT contra falta de ônibus

A- A A+


Passageiros protestaram contra descaso da empresa e da prefeitura no BRT. Foto: Reprodução

Trabalhadores revoltados com a falta de ônibus do BRT, no Rio de Janeiro, realizaram um protesto espontâneo, fechando a via por mais de 30 minutos, no dia 27 de setembro. Os manifestantes ficaram ainda mais indignados ao perceberem que a empresa havia destinado um grande volume de ônibus para atender o público do Rock in Rio. A estação paralisada pelo protesto foi a Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade.

Os trabalhadores, em sua maioria, esperavam por transporte há mais de horas. “O BRT está desumano hoje, vocês não têm ideia como está o Jardim Oceânico, sério, não cabe mais ninguém lá, está impossível”, disse uma passageira.

“É muita sacanagem, milhares de BRTs para o Rock in Rio, enquanto lá no Jardim Oceânico e para outras linhas não tem quase nenhum”, protestou outra mulher.

“A gente trabalha e não tem ônibus para a gente, cara, só tem ônibus especial para o Rock in Rio!”, protesta um ônibus, revoltado com o descaso. “Queremos ir embora e não tem ônibus. Para o Rock in Rio têm ônibus pra caramba, e pra gente não passa nenhum. Estou há mais de uma hora! Já que a gente não pode ir embora, ninguém vai para o Rock in Rio”, afirma.

“Só têm ônibus para o Rock in Rio, para trabalhador não tem. Estamos há um tempão esperando, é uma falta de respeito!”, protesta outro trabalhador.

Tudo isso ocorre após a "intervenção" da prefeitura no serviço do BRT, propagandeada pelo prefeito Marcelo Crivella como a solução para esse ramo do transporte coletivo. A tal "intervenção", que acabou em julho, nada trouxe de melhoras.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademo[email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza