Camponeses celebram o Dia Internacional da Mulher Trabalhadora no cone sul de Rondônia

A- A A+

No dia 07 de março, o MFP – Movimento Feminino Popular celebrou o Dia Internacional da Mulher Trabalhadora com cerca de 50 camponeses da área revolucionária Zé Bentão e áreas vizinhas, que compunham a antiga fazenda Santa Elina, parte dela retomada pelos camponeses em 2010. O ato resgatou que o dia 8 de março não é o dia de todas as mulheres e sim das trabalhadoras, e que só uma revolução pode colocar fim à violência contra a mulher. Também debateu que a profunda crise de nosso país não pode ser resolvida por um governo saído da farsa eleitoral e tutelado pelos altos mandos das forças armadas reacionárias. Só o povo pode construir um novo Brasil, verdadeiramente democrático, livre e justo, através da Revolução de Nova Democracia, que inicia como Revolução Agrária, como a realizada naquelas áreas localizadas na divisa dos municípios Corumbiara e Chupinguaia.

Camponeses homens também interviram saudando as mulheres trabalhadoras pelo seu dia e destacando a importância delas.

Foi distribuído um panfleto do MFP e cantado o hino da Revolução Agrária “Conquistar a Terra”. O local foi decorado com bandeiras do MFP e da LCP – Liga dos Camponeses Pobres, cartazes com os dizeres “8 de março: Viva o Dia Internacional da Mulher Trabalhadora!” e Nem Bolsonaro, nem Mourão, nem congresso de corruptos e fora forças armadas reacionárias!. Teve ainda um mural com fotos de mulheres e homens lado a lado em diversas atividades da Revolução Agrária, na luta, no trabalho e na vida diária.

Depois houve um bingo e lanche partilhado, importantes atividades recreativas e de integração. Os prêmios sorteados foram arrecadados em comércios da área e das cidades vizinhas, que apoiam os camponeses em luta pela terra, pois são estes trabalhadores que movimentam a economia das pequenas e médias cidades. Também houve um bazar de roupas usadas. Todo o recurso arrecadado foi passado à Escola Popular Antônio Dias que funciona na área.

Para propagandear esta importante data da luta popular em todo o mundo e convidar para o ato, camponeses colaram cartazes nos comércios, tanques para recolhimento de leite e escolas, além de passaram de sala em sala debatendo o tema com crianças de todas idades.

Panfleto do MFP:

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Mário Lúcio de Paula
Ana Lúcia Nunes
Matheus Magioli
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira