CEP: Abaixo a Intervenção no IFRN!

A- A A+

Reproduzimos a nota de de repúdio do Coletivo Estudantes do Povo à posse do reitor interventor do Instituto Federal do Rio Grande do Norte.


O Coletivo Estudantes do Povo (CEP) vem por nota declarar total repúdio à posse do reitor interventor no Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), uma posição contrária a decidida nas eleições (onde o professor Arnóbio foi eleito) e um completo absurdo! Um exemplo claro do contínuo ataque que a educação brasileira sofre: a inibição de qualquer resquício de democracia que venha a ter. Por mais débil a situação em que esse resquício esteja disposto, por mais rudimentar que essa pequena semente de democracia seja, todos os cães de guarda do Velho Estado estão soltos para atacar a voz dos estudantes e trabalhadores da educação.

Tudo sem contar que os canalhas do governo, partidários do olavismo e da educação precarizada, ainda tentam usar um Processo Administrativo-Disciplinar forjado como justificativa de sua decisão, mostram que não irão mais esconder sua podridão: querem a educação presa nos grilhões do obscurantismo!

Nós do CEP – assim como todos da linha independente e democrática – nunca escondemos a defesa da participação dos estudantes nas decisões administrativas (com paridade) e contra lista tríplice. Sendo, inclusive, a última posição de exemplo já apresentado em nossa propaganda como completamente incapaz de representar uma democracia no seio do regimento acadêmico. Não tomamos frente em campanha de Arnóbio, mas é dever de todos os setores democráticos do Instituto o combate a qualquer tipo de interferência em nossa Autonomia.

O interventor não vem sozinho. Vem com um histórico de amizade com os setores mais reacionários, além da filiação ao PSL (antigo partido do atual presidente). Vem com todo o espetáculo criado pelo auto-proclamado vice-reitor Ribeiro que descontente em não apenas perder como terceiro lugar, com votação inexpressiva, e ser rechaçado por suas posturas ultrarreacionárias, ainda se tranca dentro da reitoria aproveitando a falta de movimentação na quarentena. Vem com a defesa da volta as aulas, a qual sendo pelo EaD ou sendo pelas presenciais é algo inviável e criminoso, o primeiro pois nem todos os cursos são EaD (e muitos alunos do presencial não têm em suas casas computador ou internet para acompanhar) e o segundo pois é um absurdo expor estudantes e professores ao covid-19.

Essas atitudes vindas do governo já foram aplicadas antes na UFGD, no próprio CEFET-RJ e em várias outras instituições. Ambas se pressionam nos mobilizando, fazendo frente, dando nossa cara (no CEFET-RJ se conseguiu expulsar o interventor). Não é por causa da doença que iremos ficar calados e vendo na TV tudo desabar, além de que também não significa que iremos nos expor ao vírus. Devem haver novas estratégias para mobilizações e cercos, novas táticas (ante ao cuidado de saúde por causa da doença), sem exposição mas levando a bandeira de democracia nos IF’s!

Em defesa da autonomia e democracia no IFRN! Fora Interventor!

Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) campus Natal. Foto: Alberto Leandro/Arquivo Tribuna do Norte

Josué de Oliveira Moreira foi designado para função, pelo ministro da Educação, sem ter participado da eleição interna da instituição. Foto: Inter TV Cabugi

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Matheus Magioli Cossa

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Matheus Magioli Cossa
Ana Lúcia Nunes
Matheus Magioli
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira