Saque da Palestina: Imperialismo ianque declara apoio à Israel anexar um terço da Cisjordânia

A- A A+

No dia 28 de abril, o Departamento de Estado do Estados Unidos (USA) declarou seu aval ao projeto do Estado de Israel de anexação de parte do território palestino da Cisjordânia. O plano de expansão das fronteiras israelenses havia sido anunciado 8 dias antes e planeja ter início já em julho de 2020.

Leia mais: “Movimentos palestinos denunciam acordo de coalizão de Israel que iniciará anexação de territórios palestinos em julho

A porta-voz do Departamento de Estado ianque, ao ser questionado se o USA permitiria que o novo governo de Israel avançasse no processo de expansão, afirmou que o imperialismo ianque está preparado para reconhecer as ações israelenses para estender a soberania israelense e a aplicação da lei israelense a áreas da Cisjordânia”.

Ela disse também que o apoio ianque se daria “no contexto do governo de Israel concordar em negociar com os palestinos de acordo com as linhas estabelecidas na visão do presidente Trump”, referindo-se ao fatídico “acordo do século”, uma cartilha proposta em janeiro pelo ultrarreacionário Donald Trump sobre a questão palestina. 

O comunicado do USA veio apenas um dia depois do genocida Benjamin Netanyahu, atual primeiro-ministro israelense, afirmar que estava “confiante” de que o USA daria a Israel a aprovação dentro de dois meses para avançar com o projeto colonial de partilha da Palestina. 

O plano prevê que a Área C Cisjordânia, onde estão as colônias israelenses construídas ilegalmente nas últimas décadas, seja subordinada à soberania israelense, totalizando a fração de um terço do território palestino.

Benjamin Netanyahu apresenta seu projeto de anexação da Cisjordânia em uma coletiva de imprensa em Tel Aviv, setembro de 2019. Foto: ODed Balilty/Associated Press

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Victor Costa

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza