RS: Dois camponeses são assassinados por paramilitares

A- A A+

No dia 30 de abril, dois camponeses foram assassinados por paramilitares no Assentamento Santa Rita de Cássia II, em Nova Santa Rita, Rio Grande do Sul. Os trabalhadores Adão do Prado, de 59 anos, e Airton Luis Rodrigues da Silva, de 56 anos, foram mortos em frente a familiares.

De acordo com relatos, ambos foram abordados na casa de Adão no meio a noite por dois indivíduos que estavam em um VW Gol e alvejados. Depois do ataca os assassinos fugiram pela BR 386.

Os camponeses Adão e Airton eram destacados na luta pela terra, participaram de diversas marchas e ocupações e conquistaram a terra onde viviam no ano de 2005. O assentamento Santa Rita de Cássia II é produtor de arroz orgânico e junto a outros 14 assentamentos na região gaúcha há aproximadamente 20 anos formam uma cadeia produtiva que conta com oito cooperativas e 364 famílias.

Airton Luis Rodrigues da Silva e Adão do Prado, camponeses assassinados por paramilitares lutavam pela terra há mais de 20 anos. Foto: MST

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Matheus Magioli Cossa

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Matheus Magioli Cossa
Ana Lúcia Nunes
Matheus Magioli
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira