PR: Conformado o primeiro Comitê Sanitário em Pinhais


Panfleto do CSDP denuncia a negligência do Estado frente ao espalhamento do novo Coronavírus e convida o povo a se organizar. Foto: CSDP Pinhais

Apoiadores do Comitê de Apoio ao AND e moradores de um conjunto habitacional de casas populares de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, conformaram no início de maio o primeiro Comitê Sanitário de Defesa Popular da cidade.

As primeiras atividades foram panfletagens denunciando a situação calamitosa de miséria e morte imposta ao povo por Bolsonaro, generais, congresso e judiciário corruptos frente ao avanço da contaminação do novo coronavírus. Divididos em duplas, os companheiros caminharam de portão em portão das residências para discutir os problemas do bairro e a situação política com a população local, distribuindo também os panfletos nas caixas de correio das casas com moradores ausentes.

Durante as atividades, os moradores relataram suas dificuldades, como o aceso ao sistema de saúde, parcialmente fechado, atendendo apenas casos suspeitos de Covid-19. Os companheiros se prontificaram a ajudar no translado de sessões de fisioterapia de uma moradora local, uma vez que também o transporte médico foi suspenso.

Durante as conversas, os moradores relataram a ostensiva violência policial na região, a falta de serviços públicos, o problema do desemprego e da informalidade e manifestaram apoio à iniciativa de conformação do Comitê Sanitário. A posição pelo boicote eleitoral e o repúdio à ladainha dos políticos que só descem para o bairro em período eleitoral apareceram frequentemente no discurso do povo.

Posteriormente, o Comitê Sanitário passou a confeccionar máscaras protetivas a partir de materiais doados e as distribuiu pelo bairro convidando o povo a se organizar. Foram dezenas de moradores que se prontificaram a auxiliar nas atividades do comitê, deixando seus telefones e contribuindo com tecidos, produtos de higiene e alimentos.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin