GO: Comitê de Solidariedade Popular realiza bazar solidário

A- A A+
Bazar Solidário Organizado pelo Comitê de Solidariedade Popular.
Nos dias 05 e 11 de julho, o Comitê de Solidariedade Popular de Goiás realizou Bazares Solidários em conjunto com os moradores de Aparecida de Goiânia para arrecadar recursos financeiros e dar continuidade à campanha de politização que o Comitê tem feito e também para oferecer roupas e artigos para a população por um baixo custo.
Foram distribuídos panfletos e textos políticos para a população.
Os membros do comitê, em sua maioria mulheres, solicitaram a apoiadoras e apoiadores que doassem roupas e objetos pessoais para esta campanha, os quais foram separados de acordo com seu estado de conservação. Imediatamente, houveram inúmeras doações, de roupas, calçados, livros, maquiagens, acessórios e demais itens de uso pessoal. 
Haviam outros itens à venda, como livros, bolsas, maquiagens, sapatos, tudo a um preço muito acessível.
Além dos itens que estavam dispostos para venda, havia aqueles que foram disponibilizados para doação no Varal Solidário, pois grande parte de nossa população da região sequer possui o mínimo para comprar roupas a preço extremamente baixos. Também foi servido lanche a todos e todas que participaram da atividade.
O Varal Solidário ofereceu roupas gratuitamente para quem não possuía condições de comprar.
A todo momento foram tomadas as devidas medidas sanitárias para que todos e todas se protegessem contra a Covid-19. Foi planejada e montada toda uma estrutura de proteção: Em primeiro lugar, havia um local específico para entrada e saída do bazar. Todos os outros acessos foram marcados com Fita Zebrada de sinalização e, na entrada e na saída. Os organizadores e organizadoras borrifavam álcool nas mãos de quem foi ver as roupas. Em segundo lugar, o número máximo de pessoas que poderia entrar no local foi restringido, mantendo o devido distanciamento entre si, além do uso obrigatório de máscara. Em terceiro lugar, o lanche foi servido já porcionado em saquinhos, para que as pessoas levassem para casa e não corressem risco de se contaminarem. Por último, mas não menos importante, foram distribuídos panfletos sanitários sobre como se proteger do novo coronavirus, além de textos sobre a situação  política do país.
Sinalizações de alerta, devido à pandemia.
Lanche servido com todos os cuidados sanitários.
A realização do Bazar foi muito exitosa do início ao fim, desde a grande quantidade de doações até o valor financeiro obtido, que será revertido na compra de mais itens para que o Comitê continue suas ações de ajuda mútua e politização do povo  e construção de condições para que ele próprio se defenda das mazelas que o afligem. Durante as atividades  moradoras do próprio bairro, que haviam adquirido alguns itens, voltaram para doar mais roupas e assim reabastecer o bazar. Um dos participantes, que também comprou roupas do bazar, que trabalha com anúncios de carro de som se ofereceu para anunciar gratuitamente as próximas atividades do Comitê para a comunidade.
O dinheiro arrecadado será convertido em outras ações para a comunidade.
Outra ação que está  sendo organizada é um bingo de um ferro de passar roupas e uma cesta básica, com o intuito de continuar a campanha de ajuda mútua.

Colabore com as ações do comitê. Acompanhe as redes sociais do Comitê de Solidariedade Popular de Goiás para mais informações.
Instagram: @cspopulargo
Facebook: Comitê de Solidariedade Popular GO

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza