Palestina: Manifestantes na Cisjordânia respondem à repressão israelense

A- A A+

Manifestantes confrontam a polícia da fronteira e soldados israelenses que tentavam conter o protesto na vila de Kifl Haris, na Cisjordânia, 24/07/2020. Foto: Nidal Eshtayeh / Xinhua.

No dia 24 de julho, manifestantes palestinos responderam bravamente às forças da ocupação israelense, após essas atacarem com violência as massas que protestavam tanto na vila de Kafr Qaddum, perto da cidade de Calquília, como na vila de Kifl Haris, próximo da cidade de Salfit, ambas localizadas na Cisjordânia. 

Em Kafr Qaddum, após soldados do Exército de Israel invadiram a aldeia, a juventude se reuniu e bloqueou as ruas e vias com pneus e outros materiais em chamas, e enfrentaram as forças da ocupação de peito aberto, atirando pedras e artefatos que encontravam à mão no momento. 

Juventude palestina atira pedras contra soldados israelenses, na vila de Kafr Qaddum, 24/07/2020. Foto: Quds News Network.

Morad Shtewi, uma liderança popular da aldeia, declarou à agência palestina de notícias Wafa que soldados israelenses atacaram os manifestantes com armamento letal, além de balas revestidas de borracha e gás lacrimogêneo. 

Pelo menos quatro manifestantes foram feridos no protesto: dois deles foram feridos com tiros disparados pela repressão, e outros dois foram feridos enquanto eram perseguidos pelos soldados israelenses. Várias pessoas também foram asfixiados após inalarem o gás lançado pelas tropas da ocupação.

Toda sexta-feira, semanalmente, os moradores realizam protestos exigindo que a principal estrada que conecta a vila ao resto da região, fechada desde 2002, há 18 anos, seja reaberta. Eles também vêm protestando contra os colonatos criminosos de Israel construídos nas proximidades. 

Na vila de Kifl Haris, houve relatos de pelo menos um manifestante ferido, após a polícia da fronteira e soldados israelenses que tinham sido enviados para conter o protesto posicionarem blindados e um muro de contenção e avançarem sobre os palestinos rebelados. O protesto foi organizado contra a expansão dos colonatos judeus ao redor da vila e contra o plano de anexação da Cisjordânia por Israel. 

Duas semanas antes, no dia 10/07, os jovens de Kifl Haris viveram outra intensa batalha contra as forças da ocupação, que haviam assassinado um morador na noite anterior. Os palestinos bloquearam as ruas com pneus e outros materiais em chamas e responderam aos ataques dos soldados israelenses com pedras.

Manifestantes palestinos ultrapassam a contenção imposta pelas forças da ocupação e enfrentam seus soldados. Foto: Nidal Eshtayeh / Xinhua.

Jovens atiram pedras contra as forças israelenses, na vila de Kafr Qaddum, 24/07/2020. Foto: Quds News Network.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza