RJ: Jovem com problemas mentais é morto por policiais em Niterói e família pede justiça

A- A A+

No dia 24 de julho o jovem Wallace Souza dos Santos, de 28 anos, foi alvejado com um tiro nas costas na comunidade do Caramujo, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. A polícia acusou o rapaz de “comportamento agressivo” para justificar o assassinato. A família do jovem afirma que ele tinha problemas mentais e foi morto de forma covarde com um tiro pelas costas.

Segundo os parentes, que não escondiam a indignação, Wallace passou a apresentar um comportamento agressivo recentemente. A família relatou que no dia em que foi morto ele estava em crise.

Em depoimento, um dos policiais partícipes da ação falou que o rapaz estava atracado com um policial e, por isso, foi feito o disparo. Segundo ele, Wallace ainda estaria com posse de lâminas e uma espada. 

No entanto, uma testemunha que viu toda a ação afirmou que os policiais foram alertados, por ela mesma, sobre o problema do rapaz: “Ele correu pro canto chamando os policiais para brigar, foi quando eu corri atrás dele; eu só escutei os disparos e ele estava caído no chão. Eu tentei passar, os policiais tentaram me impedir. Quando eu cheguei perto ele, já estava se batendo no chão, com um tiro nas costas”, denunciou a testemunha. 

A pessoa que presenciou toda ação covarde conta ainda que não houve luta corporal entre Wallace e os policiais. ”Eles falaram que ele estava em luta corporal, mas não teve luta corporal até porque não deu tempo, foi muito rápido, ele correu e já foi o tiro”. 

O corpo do rapaz foi enterrado no dia 25 de julho. No velório, parente e amigos não se conformavam com tamanha covardia.

 Wallace Souza dos Santos foi assassinado por policiais com tiro nas costas, em Niterói. Foto: Banco de Dados AND

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza