Famílias do Acampamento Manoel Ribeiro celebram dia das crianças com muita união, animação e organização

Reproduzimos nota veiculada no Jornal Resistência Camponesa, sobre a festividade realizada pelos camponeses do Acampamento Manoel Ribeiro para celebrar o Dia das Crianças.


A frase "Viva as crianças do povo!" estampa painel com desenhos das crianças do Acampamento Manoel Ribeiro. Foto: Resistência Camponesa

Os camponeses do Acampamento Manoel Ribeiro realizaram uma animada festividade no dia 18 de outubro para celebrar o Dia das Crianças. O clima de alegria, união, organização e companheirismo se destacou durante toda a celebração.

Além da celebração, distribuição de lanche coletivo e brincadeiras que animaram a todos, o evento também prestou importantes homenagens à pequena Vanessa Santos, menina de 7 anos covardemente assassinada pela PM e pistoleiros em 1995 durante a Heroica Resistência Camponesa de Corumbiara.

A celebração lotou o barracão da Assembleia Popular do acampamento. Foto: Resistência Camponesa

Famílias acampadas e apoiadores confraternizaram no animado evento. Foto: Resistência Camponesa

A foto de Vanessa dos Santos foi erguida durante a leitura de um texto em homenagem a jovem, do qual destacamos alguns trechos: “Quantas Vanessas o Estado da burguesia e dos latifundiários já assassinou de fome, de frio e de bala? Porque eles matam as Vanessas? Por que eles acham as Vanessas perigosas! Eles mesmos dizem que as crianças são o futuro do Brasil. Mas, quando falam isso pensam apenas nos filhos dos burgueses e latifundiários. Ao tirarem o futuro de Vanessa eles pretendiam tirar o futuro dos camponeses e proletários do Brasil. Mas cometeram outro grave engano. Vanessa caiu na terra e outras Vanessas nasceram. Outras crianças, mulheres. Elas não são o futuro, mas o presente. O presente que, com luta e determinação constrói o futuro deste Brasil sem latifúndio, sem opressão, sem Raupp e sem Antenor Duarte. Um Brasil com muitas Vanessas produzindo em suas terras, felizes e vitoriosas. Vanessa está em todas as crianças camponesas! Vanessa está nas mulheres lutadoras!”

A foto de Vanessa dos Santos foi erguida durante a leitura de um texto em homenagem a menina assassinada pelo velho Estado em meio a heroica resistência de Corumbiara. Foto: Resistência Camponesa

A festividade lotou o barracão da Assembleia Popular com crianças, jovens e adultos. Camponeses das áreas revolucionárias vizinhas ajudaram na arrecadação e preparo dos alimentos e também marcaram presença. Fitas, flores e balões coloridos ornamentaram o espaço, além de um mural com desenhos feitos pelas crianças acampadas e um letreiro festivo com o mote do evento: ‘Viva as crianças do povo!’.

Num evento marcado pela animação e engajamento de todos nas atividades, as mulheres do acampamento cantaram em homenagem às crianças a canção popular “Nunca pare de sonhar”, do Gonzaguinha.

Todos se engajaram na preparação da festividade que reforçou ainda mais a união e companheirismo dentro do acampamento. Foto: Resistência Camponesa

Também em coro, as crianças cantaram a música de luta ‘AEIOU da Realidade’ e, em seguida, cada um explicou o significado de desenhos feitos por eles mesmos com o que eles esperam do acampamento: casas, roças e criações onde viverão com suas famílias.

A exibição de um vídeo prendeu a atenção de todos com imagens dos 2 meses de luta do Acampamento Manoel Ribeiro, do histórico da luta pelas terras da antiga fazenda Santa Elina, da luta camponesa em outras regiões de Rondônia e do país por tomar todas as terras do latifúndio.

Fotos da campanha internacional de solidariedade à luta camponesa em Rondônia também foram exibidas com imagens de manifestações, pronunciamentos e panfletagens no Estados Unidos, México e França.

Em seguida, crianças, jovens e até adultos, organizados de acordo com a faixa etária, participaram de animadas brincadeiras: corrida de velocidade, de um pé só, de saco, com coco na colher, cabo de guerra e pula-corda.

Durante a celebração diversas brincadeiras foram organizadas de acordo com a faixa-etária. Foto: Resistência Camponesa

A atividade encerrou-se com a distribuição do farto lanche coletivo: bolinho de arroz, cachorro quente, pipoca, suco, brigadeiro de mandioca e um grande, lindo e delicioso bolo confeitado com as frases ‘Feliz dia das Crianças’ e ‘Acampamento Manoel Ribeiro’. Pacotes com lembranças foram distribuídos para as crianças junto com os balões de festa.

Diversos pratos preparados pelos camponeses foram compartilhados no final da celebração. Foto: Resistência Camponesa

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza