PI: Moradores protestam contra falta de energia elétrica em Teresina

Manifestantes erguem barricada durante protesto contra falta de energia em Teresina, Piauí. Foto: Reprodução

Moradores do bairro Vila Cristalina bloquearam a avenida Duque de Caxias com barricadas em chamas, no dia 1 de setembro. O protesto é contra a recorrente falta de energia no bairro. Os trabalhadores denunciam que há uma semana falta luz da noite até a manhã do outro dia. O bairro fica localizado na zona norte de Teresina, capital do estado do Piauí.

O protesto aconteceu próximo ao terminal Livramento, com os manifestantes fechando a avenida nos dois sentidos. Para bloquear a via, os trabalhadores utilizaram pneus e madeiras e atearam fogo nos objetos.

Após o protesto, uma equipe da concessionária Equatorial Energia foi até o local fazer reparos na iluminação.

Em entrevista ao jornal do monopólio de imprensa G1, moradores relataram que já faz uma semana que eles são obrigados a ficar sem luz durante a noite e a madrugada.

“Toda noite está faltando energia nessa faixa de 21h e só volta às 5h da manhã. Ninguém consegue dormir, queimam os eletrodomésticos, um calor grande desse e a gente sem nada. Eles vêm, ajeitam, e no outro dia é do mesmo jeito”, disse o aposentado Gilvan Lopes.

 Leia Também: Conta de luz sofre novo aumento e ministro mente em cadeia nacional

No dia 29/08, outro protesto já havia sido realizado em outra região de Teresina, também contra a empresa Equatorial Energia e por conta da falta de luz.

Na ocasião, moradores do residencial Hugo Prado, foram até a garagem da empresa Equatorial, no bairro Monte Castelo, na zona sul de Teresina, e bloquearam a saída da garagem, impedindo os veículos de saírem.

Os moradores afirmaram que somente sairiam do local quando conseguissem uma reunião com a empresa ou quando a energia fosse restabelecida no residencial. Durante o protesto a empresa mandou uma equipe até o residencial para fazer reparos, o que fez com que a energia voltasse.

Em entrevista, a fisioterapeuta Rosean Pereira, que participou do protesto, afirmou que há quatro meses a queda de energia é quase diária no local.

“Antes passávamos as noites sem energia, virou hábito ficar noites sem dormir. Mas há uma semana, começou a faltar também durante o dia”, contou a trabalhadora.

Aumento na conta de energia elétrica

Recentemente a conta de energia voltou a aumentar. Dessa vez o brasileiro vai pagar R$ 14,20 por cada 100 quilowatt consumido. Um aumento de 50% em relação ao que já havia acontecido no mês de julho, que levou o preço para  R$ 9,49, no regime chamado “bandeira vermelha 2”.

Outra possibilidade que os brasileiros terão que encarar é o racionamento de energia, com a volta dos tenebrosos apagoẽs.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin