Chile: Revolucionários realizam pichações contra a farsa eleitoral e a carestia

Ações de propaganda foram feitas pela FRM. Na imagem uma pichação com a frase de Luis Emilio Recabarren, fundador do Partido Comunista do Chile. Foto: Reprodução

A Frente Revolucionária Mataquito (FRM) realizou pichações na região do Maule, no início de novembro, com consignas que rechaçam a farsa eleitoral. As ações de propaganda nos muros também denunciam a carestia que assola as massas. As pichações foram realizadas nos muros de uma distribuidora da imperialista Coca-cola.

As pichações diziam: O caminho é a luta, não as eleições!, como parte da campanha de boicote às eleições reacionárias que ocorrerá neste mês com novas eleições presidenciais, e Nada justifica a vida cara no Chile!, o título de uma das publicações de Luis Emilio Recabarren, fundador do Partido Comunista do Chile, no jornal El Socialista de Antofagasta, Norte do Chile, em 19/08/1920.

Em outras pichações realizadas na metade de outubro, também no Maule (uma comuna da província de Talca), revolucionários escreveram as palavras de ordem: Que baixe o gás e fora as florestais!, em denúncia contra a alta no preço do gás e as empresas florestais imperialistas que usurpam as terras camponesas. Outro muro trazia estampado a consigna 18 de outubro, a rebelião se justifica!, se referindo ao início da rebelião popular de 2019, iniciada nesta data.

Pichação que convoca o povo chileno a boicotar as eleições reacionárias. Foto: Reprodução

Ação de propaganda exige a diminuição do preço do gás e a expulsão das empresas florestais. Foto: Reprodução

Pichação que relembra o dia 18 de outubro de 2019, dia do início da rebelião no Chile. Foto: Reprodução

Pichação que relembra o dia 18 de outubro de 2019, dia do início da rebelião no Chile. Foto: Reprodução

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin