SP: Camponeses ocupam terra no Pontal do Paranapanema

No dia 16 de junho, cerca de 200 famílias camponesas ocuparam uma área de 700 hectares do latifúndio Fazenda Santa Rita. A terra reivindicada pelos camponeses é pública e está localizada na região de Pontal do Paranapanema, no município de Rosana, Oeste do estado de São Paulo. Segundo a Frente Nacional de Luta Campo e Cidade (FNL), “a ocupação comprova a disposição dos camponeses na luta pela terra e pelo direito de viver e trabalhar no campo”.

No dia 20/05, em entrevista ao monopólio de imprensa, o governador do estado de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), declarou que não pretende realizar novos assentamentos rurais. As famílias camponesas afirmam que ocuparam as terras de latifúndio com intuito de implantar assentamentos rurais. Os camponeses acreditam que a construção do assentamento só será levado a cabo se for realizado coletivamente e pelas próprias mãos dos trabalhadores, rompendo qualquer ilusão com representantes do velho Estado que só visam na manutenção do latifúndio no país.

Quando não são assoladas por ameaças de não implementação de novos assentamentos, as massas camponesas ainda enfrentam políticas latifundistas, tão proferidas principalmente em ano eleitoral, que visam dificultar a vida dos camponeses pobres com pouca terra, como as políticas de titulação e de crédito do velho Estado.  

Quando a titulação de terras camponesas ocorre, na maioria das vezes é apenas provisória, o que além de gerar insegurança, limita o acesso ao crédito. Esse, por sua vez, é dificultado em decorrência da burocracia que exige uma colossal documentação. Se ainda assim o camponês consegue acesso ao crédito, os juros são tão altos que os trabalhadores endividados e sem condições de pagar os empréstimos, vendem a preços de “banana” suas terras aos grandes latifundiários. 

Conhecendo o caminho proposto pelos reacionários, os camponeses marcham pela via de tomar todas as terras do latifúndio, tomando seu destino pelas próprias mãos. Os dados apurados pelo AND, indicam que só no primeiro semestre houveram 37 ocupações, que contabilizam mais de 18 mil pessoas que se lançaram às tomadas e retomadas de terras por todas as regiões do país.

 

Camponeses organizados pela FNL discutem os caminhos da luta pela terra. Foto: Banco de dados AND

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin