Carandiru: 25 anos de impunidade!

A- A A+
Pin It

A chacina de 111 detentos ocorrida em 1992, conhecida como o Massacre do Carandiru, na Zona Norte da capital paulista, completou 25 anos no dia 2 de outubro sem que ninguém - além dos detentos, suas famílias e os sobreviventes - tenha sido punido.

Há 25 anos uma rebelião que se iniciou com uma briga entre dois detentos se transformou no maior massacre da história do sistema penitenciário brasileiro. Entre 2013 e 2014, o Tribunal do Júri de SP condenou 73 PMs e policias civis pelas mortes, em sentenças que iam de 48 à 624 anos de prisão. No entanto, os policias nunca foram presos, até que em 2016 três desembargadores do Tribunal de Justiça anularam o julgamento, afirmando que "não houve massacre, houve legítima defesa".

Legitima defesa? O massacre ocorreu em um presídio super lotado, com 7 mil detentos. Participaram dele três tropas de repressão do velho Estado: a Rota, o Gate e o Goe. A perícia comprovou que 93 detentos foram mortos atingidos por projéteis de arma de fogo e 90% dos tiros foram disparados para dentro das celas superlotadas.

A maioria dos detentos assassinados eram réus primários e ainda não haviam sido julgados e condenados. O caso segue sob segredo de justiça porque a defesa dos policiais conseguiu autorização judicial para que os nomes dos PMs não fossem divulgados. Das 111 famílias, somente 43 foram indenizadas.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja